quinta-feira, 20 de outubro de 2011

SEQUÊNCIA DIDÁTICA - MEMÓRIAS

1ª - Seqüência Didática 3º Bimestre
Ano - 2011 – 7ª série

ESCOLA: Dom Avelar Brandão Vilela
PROFESSORA: Nazarete Andrade Mariano
TEMA DA ESCOLA: CONHECER A CIDADE COMO PRINCIPIO EDUCATIVO PARA PODER CUIDAR MELHOR DOS TERRITÓRIOS LOCAIS


ÁREA: Código e Linguagem
Descritores Curriculares / SAEPE:
Língua Portuguesa:
ANO: 8º ano - manhã
TEMPO: 12 aulas (50 minutos )

D6- Localizar informação explicita em um texto
D7 – Inferir informação em um texto
D9- Identificar o tema central do texto
D12 - Identificar a finalidade do gênero Memória
D26- Identificar as marcas lingüísticas que evidenciam o locutor e / ou o interlocutor.


CONTEUDO DA OTM:
Eixo: Leitura de gêneros textuais: MEMORIAS
Eixo: Produção de texto oral: MEMÓRIAS
Eixo: Análise Linguística: Ortografia, a função do sujeito e predicado, e função da transitividade verbal.

2. OBJETIVO

 Desenvolver o senso crítico a partir das experiências produzidas individuais e coletivas do alunado.
 Reconhecer o domínio da linguagem na participação social, política e cidadã.
 Identificar os aspectos pertinentes ao gênero ou do tipo a que pertence o texto memória.
 Fomentar as funções comunicativas relativas ao sujeito e seu predicado e aos demais aspectos relativos à análise lingüística.
 Identificar a finalidade ou o objetivo pretendido para o texto.


RECURSOS
• Data show
• Notebook
• Internet
• Pincel
• Copias de textos
• Livros
• Cola
• Pincel
• Papel madeira
• Folha oficio
• Pendriver


METODOLOGIA ( DESENVOLVIMENTO)

1º MOMENTO 2 aulas

Iniciando o 3º bimestre letivo, será feito uma rápida de dinâmica para desejar boas vindas aos ao retorno do alunado e professorado, com a dinâmica (caixinha de surpresa ).

Em seguida, fazer uma retomada das discussões tidas no 2º bimestre, considerando o conhecimento prévio do alunado. No que concerne o gênero memórias.
Quem já ouviu falar na palavra memória?
Cite uma lembrança que você tem da sua experiência de vida?
Que outras memórias que você lembra com saudades do seu lugar?
Em seguida colocar a música “ Naquela casa pequena” de Roberto Carlos. Os alunos irão ouvir a música e em seguida completarão os espaços em branco, pois foram retirados do texto todos os verbos no passado. Após esta atividade, serão feitas as abordagens pertinentes ao gênero memória, a partir do texto “ Naquela casa pequena”, bem como a função destes verbos na ação das narrativas vivenciadas pela personagem em suas lembranças.

2º MOMENTO ( 2 aulas)

Retomando as abordagens da aula anterior, ainda com a análise do texto “ Naquela casa pequena” os aspectos interpretativos e lingüísticos, em após os alunos responderem a atividade com o tempo previamente definido pela turma, em seguida serão discutidos em conjunto aluno/professor.

3º MOMENTO: 2 aulas


A partir do mesmo texto e do texto “ Anarquista Graças a Deus” após leitura e discussão, iremos trabalhar a função do sujeito de predicado, bem como a transitividade verbal. Após colocar uma atividade escrita de análise.

4º MOMENTO: 2 aulas

Os alunos irão fazer um levantamento junto a comunidade, de memórias vivenciadas pelas pessoas mais velhas , gravando ou escrevendo o relato do entrevistado.
Os alunos irão socializar com a turma a atividade feita em sala. Após socializar a atividade, os alunos irão transformar o relato e transformar a pessoa do discurso da 1ª para terceira pessoa, em seguida fazer a socialização, para que os alunos (com intervenção da professora) observarem a importância da pessoa do discurso no texto, considerando os verbos e seu tempo.

5º MOMENTO 2 aulas

Para fechar as discussões, os alunos irão trazer da comunidade, material que representem situações de memórias, como: (tecnologias ditas como ultrapassadas, fotos dos pais e avôs etc, escritos antigos feitos por pessoa da comunidade, entre outras)

6º MOMENTO 2 aulas

Neste momento os alunos irão produzir suas próprias memórias, cada etapa será orientada por etapa, para a escrita e reescrita, observando os aspectos textuais e linguísticos. Em seguida socializar, com a turma e publicar no blog da escola.


AVALIAÇÃO
Como avaliar é um processo contínuo e sistemático, os trabalhos serão analisados por etapas, bem como os conhecimentos construídos a partir deles, levando em conta o envolvimento da turma para as atividades solicitadas e os objetos aqui pretendidos. Será analisado a partir da proposta estabelecida no projeto, para tanto, os alunos serão interlocutores na construção do conhecimento.
Para esta sequência didática sugere os seguintes procedimentos avaliativos:
4 pontos: para uma atividade reflexiva que envolva o conteúdo estabelecido para esta sequência didática ( tanto, textual quanto lingüística ), incluindo as leituras e a apresentação do seminário.

3. REFERENCIAS
ANTUNES, Irandé. LÍNGUA, TEXTO E ENSINO: outra escola possível. São Paulo: parábola editorial, 2009.
DIVERSIDADE TEXTUAL: os gêneros na sala de aula. Organizado por D618 Carmi Ferraz Santos, Márcia Mendonça, Mariane C.B. Cavalcanti. 1ª Ed. Belo Horizonte: Autentica 2007
FREIRE, Paulo. A importância do ato de ler. São Paulo: 12ª, Cortez, 1986.
GATTAI, Zelia. Anarquista Graças a Deus.
TP´s – Gestar II. 2008

Nenhum comentário: